INSS: Saiba como colocar em dia as contribuições em atraso

Por situações adversas, muitas vezes podemos acabar deixando de pagar coisas de extrema importância. O INSS em atraso pode causar transtornos lá no futuro, quando você for fazer a somatória de quanto tempo contribuiu e se deparar com esse período que ficou sem pagar. Mas não se preocupe, existem alguns casos que é possível colocar em dia as contribuições do INSS.

Quem pode contribuir com o INSS em atraso?

Contribuinte individual (autônomos) – Se você contribuiu pelo menos uma única vez estando nesta categoria e depois parou de contribuir, é possível pagar até 5 anos o que está atrasado. Basta imprimir a guia no site da Receita Federal. Se o tempo que está em atraso for mais de 5 anos, ou se nunca contribuiu, é necessário ir até o INSS regularizar a situação e comprovar que você exerce a atividade como profissional liberal.

Contribuinte Facultativo – Quem contribui como facultativo pode pagar o que está atrasado se a guia não tiver um atraso maior que 6 meses. Nestes casos, o cálculo do que está em atraso pode ser feito pela internet na Receita Federal. É contribuinte facultativo quem não trabalha, mas paga o INSS para garantir benefícios previdenciários como auxílio doença, pensão por morte e aposentadoria.

Quem não precisa contribuir com o INSS em atraso?

Se você trabalhou algum tempo nas condições abaixo, talvez não seja necessário contribuir com o INSS em atraso.

-Emprego informal, sem registro em carteira.

-Trabalho rural antes de 1991;

-Trabalho prestado como contribuinte individual (autônomo) para uma Pessoa Jurídica;

Se esse for seu caso, entre em contato com um advogado especialista em previdência e se informe sobre os documentos para contar este tempo sem precisar pagar nada.

Dica extra: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social.

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana?

Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática: Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise.

Conteúdo original Melo Advogados

Fonte: www.jornalcontabil.com.br

WhatsApp chat